fbpx
Belo Horizonte/MG: 3373-1962 Juiz de Fora/MG: 4003-4486
ENTRE EM CONTATO

Faça uma cotação




    logo-reclame-aqui-1x1

    Evite arrependimentos!

    Empresa com ZERO reclamações no Reclame Aqui.

    especialistas-em-pragas

    Especialistas em Pragas

    Somos uma empresa especialista em pragas urbanas, com operadores treinados e biólogos em nosso time.

    satisfacao-garantida-foco-dedetizadora

    Satisfação Garantida

    Garantimos dedetização 100% eficiente ou devolvemos seu dinheiro, sem nenhum aborrecimento.

    ENTRE EM CONTATO

    Faça uma cotação




      Vantagens Foco Dedetizadora

      economize
      Entregamos muito mais
      por muito menos.
      controle-organizado
      Controle de pragas
      sem cheiro e sem bagunça.
      clientes-satisfeitos
      99% de clientes
      encantados.
      profissionais-qualificados
      Profissionais altamente
      qualificados e treinados.
      servico-rapido-eficaz
      Serviço rápido
      e eficaz.
      logo-foco-3d-2

      Controle de Roedores

      Os ratos possuem hábitos noturnos e ficam abrigados em locais para permanecerem fora da vista e do alcance dos seres humanos, o que pode ter dificultado visualizá-lo durante a inspeção. Seu ninho é feito de qualquer material, podendo fazer uso de caixa de papelão ou outro material qualquer que fique sem a devida guarda ou acondicionamento. Somado à estimativa média de, nos grandes centros urbanos de nosso país, pode chegar a 15 ratos/habitantes (quando nos EUA é de 2 ratos/habitante), tem-se que no Brasil, cada ser humano joga fora cerca de 10% de lixo orgânico (alimentos), o que alimenta 4 ratazanas e 3 camundongos.

      A utilização de produtos com efeitos letais imediatos, além de ser letal trazendo riscos para o ser humano, não propicia a diminuição de roedores em uma área, e sim, inverte o efeito desejado aumentando a população existente, visto que uma colônia de ratos procura sempre manter um número limite de indivíduos. É o chamado Efeito Bumerangue ou Inversão de Efeito, que ocorre porque os ratos possuem neofobia (fobia ao novo) e enviam os indivíduos doentes mais idosos ou mais novos para testar um alimento novo introduzido em seu ambiente. A morte instantânea de um deles avisa aos demais do perigo daquele “alimento”, fazendo com que os outros o evitem e com que as fêmeas gerem novas crias para restabelecer o equilíbrio do número de indivíduos na colônia. As novas crias, em número maior ao de indivíduos permitidos, disputam o lugar vago, onde os perdedores que conseguem escapar da morte fogem daquele território e vão habitar as áreas vizinhas, estabelecendo novas colônias.

      Por isso uma intervenção humana em áreas infestadas por roedores tem que ser, necessariamente, decisiva e completa. Uma intervenção errônea pode ter efeitos desastrosos, assim o combate aos roedores deve ser feito de forma racional, técnica e completa, pois uma falha nesse trabalho pode conduzir a situações futuras de solução difícil e onerosa.

      O controle é feito através da aplicação de produtos químicos na formulação de iscas de efeito anticoagulante em caixas PIP (ponto de iscagem permanente), e túneis de cola em áreas específicas.

      Métodos de Controle

      Controle Físico

      • Visa eliminar do ambiente as condições favoráveis à permanência e proliferação de ratos;
      • Evitar entulhos e objetos inúteis no interior e ao redor da edificação;
      • Vedar aberturas existentes na edificação para evitar entrada de ratos;
      • Lixo sobre suporte a uma altura. Colocar telas removíveis em aberturas de aeração;
      • Colocar lixo orgânico em latões fechados com tampa;
      • Tampar reservatórios de água;
      • Sanar vazamentos em tubulações de abastecimento de água;
      • Colocar telas removíveis em aberturas de aeração;
      • Colocar lixo orgânico em latões fechados com tampa;
      • Tampar reservatórios de água;
      • Armazenar em depósito os sacos, fardos e caixas de grãos, farinhas etc. sobre estrados com altura mínima de 40 cm, afastados uns dos outros e 30 cm das paredes;
      • Eliminar vegetação a 1m de distância em torno das instalações;
      • Não deixar encostados em muros e paredes objetos que facilitem o acesso de roedores;
      • Buracos e vãos em telhas devem ser vedados com argamassa;
      • Limpar periodicamente galerias de escoamento de águas pluviais, evitando o acúmulo de água.

      Monitoramento

      O uso de monitoramentos para controle de roedores torna-se fundamental pois desta forma conseguimos nos antecipar a situações onde a infestação desta praga pode causar qualquer nível de dano econômico ao cliente.
      Quando aferimos nas caixas PIP (Ponto de Iscagem Permanente), conforme foto abaixo, indícios de visitação desta praga neste instrumento de monitoramento, conseguimos traçar medidas preventivas ou corretivas objetivando interferir num provável aumento populacional.
      Tais pontos de monitoramento são representados num croqui ou anal sanitário, onde evidencia o posicionamento de cada caixa PIP, devidamente aferidas através de uma planilha de monitoramento durante este tipo de serviço.

      Controle Químico

      O uso de monitoramentos para controle de roedores torna-se fundamental pois desta forma conseguimos nos antecipar a situações onde a infestação desta praga pode causar qualquer nível de dano econômico ao cliente.
      Quando aferimos nas caixas PIP (Ponto de Iscagem Permanente), conforme foto abaixo, indícios de visitação desta praga neste instrumento de monitoramento, conseguimos traçar medidas preventivas ou corretivas objetivando interferir num provável aumento populacional.
      Tais pontos de monitoramento são representados num croqui ou anal sanitário, onde evidencia o posicionamento de cada caixa PIP, devidamente aferidas através de uma planilha de monitoramento durante este tipo de serviço.

      O que nossos clientes dizem

      Foco Dedetizadora – Todos os direitos reservados.

      Produzido por 8D Pro